sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Hoje é um dia triste.

Hoje tenho um nó na garganta. E no coração. Não sou capaz de o desfazer, com franqueza.
Uma pequena de 3 anos da escola da mini me, morreu a noite passada enforcada. Nas correntes dos cortinados. Uma tragédia, fatalidade que me impressionou obviamente.
Porque sou mãe e sei que basta um segundo de distração para o pior acontecer.
Porque sou mãe e suponho que este será o maior pesadelo na vida de uns pais.
Porque sou mãe e penso que é um tipo de culpa, sem a ser, que nunca mais será esquecida.
Cheguei a casa, após ter ido dar um abraço sentido àqueles pais feitos em cacos, e suguei a mini me com beijos e abraços.
Coisa melhor da vida, é senti-la em mim.

2 comentários:

  1. Que tragédia, nem é bom pensar no sofrimentos daquela família...

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  2. Lamento muito pela pequena e pelos pais. Ninguém merece sofrer assim =/

    ResponderEliminar